Se você ainda não leu a Lição 1, clique aqui para acessar

Lição #2 de 5:

​O​s custos e gastos ​envolvidos
em uma Cirurgia Bariátrica

O valor da cirurgia bariátrica varia de acordo com: equipe médica, o estado, a idade do paciente e alguns outros fatores.
Tudo é muito relativo, até mesmo por que tudo depende de um comum acordo e o que será incluso no pacote da cirurgia bariátrica, como por exemplo:

        ○ qual será o medico cirurgião,
        ○ a equipe médica necessária,
        ○ o valor do anestesista,
        ○ quanto custa a diária do hospital,
        ○ o valor dos exames pré-operatório
e os gastos no pós operatório.

​Hoje o preço médio ​para realizar a cirurgia bariátrica gira em torno de R$ 35.000,00.

​Mas, esse valor é referente ao valor do médico e da estadia no hospital.

​Isso significa que, além desse valor, você ainda precisará de um dinheiro reservado para todos os outros gastos adicionais que você terá.​

​Esses gastos irão envolver:

        ○ compras de medicamentos
        ○ compras de suplementos alimentares
        ○ compras de vitaminas
        ○ gastos com alimentação
        ○ gastos com roupas
        ○ gastos com tratamentos estéticos

Então no resumo, estaríamos falando de um gasto de cerca de 50.000,00 em média nos primeiros dois anos após a cirurgia.​


​Provavelmente agora você já está em prantos aí do outro lado pensando: Meu Deus, eu não tenho todo esse dinheiro! Não tenho condições de fazer a cirurgia.


Mas calma, é sobre isso que vamos falar agora.


Existem diferentes formas de conseguir operar e não só pagando particular.

​​​​​​As ​opções ​para se 
fazer a ​Cirurgia ​Bariátrica ​

​​​Se você está planejando ​operar, precisa conhecer os gastos envolvidos e as possíveis alternativas para que eles não façam você estourar o orçamento.

Contratar um plano de saúde ​ou procurar o sistema único de saúde são medidas que ajudam a controlar as despesas​. Entenda quais são as suas opções:

​​Sem plano (SUS) – Usando o Sistema Único de Saúde não ​há custos ​para quem vai operar, pois o governo banca tanto os procedimentos como os profissionais envolvidos na cirurgia.


Particular – Os preços de realizar ​a cirurgia bariátrica em um hospital privado podem variar amplamente, dependendo de fatores como localização ​e serviços oferecidos. Em hospitais de ponta dos grandes centros, o valor total pode ultrapassar os R$ ​​35 mil, ainda mais se houver complicações no ​cirurgia.


Com plano (usando ​equipe médica do convênio) – Ao usar o médico cirurgião que atende o plano de saúde, ​você também utiliza os outros profissionais (​nutricionistas, psicólogos, endocrinologistas etc.) do convênio. Na maior parte das vezes, tudo é coberto pelo plano. No entanto, alguns procedimentos mais complexos podem estar fora da cobertura.


Com plano (usando ​equipe médica fora do convênio) – ​Você pode optar por um ​cirurgião que não atenda seu plano de saúde. Nesse caso você precisará então pagar todos os profissionais e, depois, pedir o reembolso para ​o seu ​convênio médico.

Na maioria dos casos, infelizmente o valor reembolsado é bem abaixo dos cobrados pelos médicos.


Com plano (na carência) – Se ​o seu plano de saúde estiver dentro da carência de ​2 anos, a cirurgia só poderá se realizada após esse período. ​Ou seja, de desejar operar antes, você terá a cobertura apenas ​de seus exames ​e consultas.

Planejamento Financeiro

​Bom, agora você já conhece suas opções. E a​í, como começar a se​ organizar financeiramente?


​Eu receb​o muitos e-mails dos leitores do Minha Bariátrica, de pessoas me falando que sonha​m em fazer a cirurgia, mas que não t​em condições financeiras.


Então vamos refletir e conversar sobre isso...


​Por que falta dinheiro?

Antes de mais nada, vamos entender quais são as razões que estão te impedindo hoje.


Se você não tem dinheiro para investir na sua saúde e qualidade de vida, três coisas podem estar acontecendo: ou você não possui uma fonte de renda, ou seu trabalho atual paga pouco, ou você não está administrando bem o seu dinheiro.


Então vamos descobrir qual o real problema, para a gente poder ver como resolver.

     
O custo da obesidade

Vamos fazer um rápido exercício, pegue papel e caneta e vem comigo...

​​Vou te fazer algumas perguntas e quero que você pense a respeito e anote os valores aí.


        ○ Quanto você gasta com comida? Restaurantes? Lanchinhos na rua?
        ○ Quan​to você gasta com remédio?

        ○ Quanto você gasta com fórmulas milagrosas e mágicas para emagrecer?

        ○ Quanto você gasta com roupas que nunca vai usar por não servirem em você?

Quando eu fiz esse exercício, eu percebi uma coisa bem estranha. Não era que eu não tinha dinheiro e sim que eu estava gastando tanto para manter a minha vida como obesa, que isso me impedia de fazer todo o resto que eu desejava.


​Naquela época, eu gastava cerca de R$ 450,00 com o convênio médico, mas esse era uma custo pequeno, por que só em fast food, ia uma fortuna. Isso sem nem falar nos 12 comprimidos que eu tomava todo dia, que não eram baratos.


​Em uma situação como essa, a cirurgia bariátrica pode ser até um tipo de economia.


​O mais importante então é priorizar seu gastos para que você consiga cuidar da sua saúde.

​​UMA ESMOLINHA, POR FAVOR!

​Nós somos responsáveis por mudar o rumo da nossa vida, mas isso não significa que você não pode ter ajuda de outras pessoas. O apoio de amigos e familiares nessas horas é bastante importante.


Converse com as pessoas próximas a você e pergunte se não há alguma forma de eles contr​ibuirem com essa sua transformação.


​MAIS DINHEIRO NO BOLSO

​Agora, se você já fez de tudo e já economizou e espremeu tudo que podia, mas ainda não está conseguindo, isso significa que está na hora de procurar uma renda extra.


Isso serve tanto para quem já tem um emprego, mas ganha pouco, quanto para quem está desempregada.


Pesquise na internet por novas formas de ganhar dinheiro, comece a fazer trabalhos/hora extra ou até mesmo inicie um pequeno negócio (manicure, vender bolos, etc).


Com certeza você tem algum talento que pode virar dinheiro.​


 


​Ufa! Essa lição acabou ficando mais longa do que eu previa. Mas, sinceramente, valeu a pena!


Estou muito feliz em poder estar te ajudando nessa jornada de transformação e espero de coração que essas palavras estejam te dando força para lutar por você e pela sua saúde.


E ​na próxima lição eu vou te falar sobre a importância do tempo na nossa vida e como ele pode trabalhar ao nosso favor ou contra nós.


Fique de olho no seu e-mail, que muito em breve você irá receber uma mensagem minha com o link da próxima lição!


​Agora eu preciso que você escreva um comentário no final ​dessa página​ e me ​diga: ​​​até aqui, o que você está achando dessa série? estou conseguindo te ajudar?

Um grande abraço,

Gabi do Minha Bariátrica.

Se você gostou dessa lição, compartilhe!

Deixe o seu comentário abaixo e participe:

Aviso legal: As opiniões expressas aqui são de caráter informativo e representam a opinião pessoal da autora, tendo como objetivo dividir experiências de paciente para paciente e não substitui uma consulta, orientação médica, psicológica ou nutricional, realização de exames e condutas adequadas. Se alguma imagem utilizada for de sua responsabilidade e autoria, entre em contato e ela será removida imediatamente mediante a confirmação do recebimento da solicitação. Os comentários nos comentários não representam necessariamente o ponto de vista do autora.

Termos de Uso

Política de Privacidade

Copyright 2018. Minha Bariátrica, todos os direitos reservados.